2/09/2012

Yelawolf na Shade 45

O Redneck favorito da Shady Records passou pela Shade 45 para falar com o Dj whoo Kid.

Como foi trabalhar com Kool Herc?  Whoo Kid sobreviveria no Alabama? Por que Yelawolf bateu em um cara no palco? Como Yelawolf se sentiu sobre Drake e Common? Como foi estar no Cypher? O Paul Rosenberg escreve o material do Eminem?




Yelawolf diz que foi uma supresa ter Kool Herc no clipe Let's Roll, ele disse que a equipe dele organizou tudo e que ele estava em estúdio gravando quando chegaram para ele e disseram que Kool Herc estaria vindo.

Whoo Kid diz que Alabama parece um lugar de outro planeta, e Yelawolf diz que sente a mesma coisa, que as vezes volta para "casa" e se sente perdido. Ele diz que não tem certeza se Whoo kid sobreviveria no Alabama, mais que era só se manter com as pessoas certas, ele diz não ser perigoso, eles comentam sobre atirar em veados e Yelawolf assume nunca ter atirado em um, o que é impressionante por ser uma atividade muito praticada nos interiores dos Eua.

Logo após, Yelawolf foi questionado sobre o fato de agredir um fã no palco, e ele logo fala que foi ridículo, e que aquilo nao é ele, e que tem vários vídeos circulando por ai e ele não se sente daquele jeito. Ele diz não querer bater em ninguém, mas o garoto atacou ele no palco.

Whoo Kid muda de assunto e comenta sobre uma fã que tatuou o nome do artista Drake em sua testa, e perguntou se alguma fã do Yelawolf já fez isso e o que ele acharia, Yelawolf diz: "vai em frente eu nem me importo", e diz que vai fazer uma tatuagem de "hi5" em português, "toca aqui!" . Em seguida ele diz que Drake e Common não tem haver com ele, então Whoo Kid pergunta para ele qual dos 2 ganharia em uma briga, não uma batalha de rimas, mais sim uma briga de verdade, Yelawolf diz que Common é um cara cruel e que ninguém deveria mexer com ele a não ser que você sinta-se ofendido de verdade. 

Yelawolf explica que no Cypher você tem o seu verso e então é a sua vez e você vai lá e bota pra fora, e que naquele episódio a sua rima era para uma batida mais leve mas mesmo assim ele conseguiu encaixar com a batida atual e diz ter se sentido bastante aliviado. Ele comenta que foi uma honra estar lá, e que o Eminem teve que escutar o verso de todos e como ele foi o primeiro a soltar sua performance ele se sentiu com menos pressão, já que não teve a performance antes da dele. WHoo Kid diz que ficou sabendo que Paul Rosenberg escreveu uma rima para o Cypher e perguntou o que aconteceu, então Yelawolf diz: "era ridículo e eles cortaram", ele comenta que Paul Rosenberg escreve todo o material do Eminem.


Nenhum comentário:

Postar um comentário